quinta-feira, janeiro 05, 2012

Descrição

As castas

No campo da vinicultura, designa-se por casta a variedade de uvas utilizadas no fabrico do vinho. Alguns vinhos, os chamados varietais, monocasta ou estremes, devem a sua originalidade ao facto de serem produzidos a partir de uma única casta. No nosso país, o Alvarinho é disso um bom exemplo. Por outro lado, a vinificação conjunta de várias castas permite obter o chamado vinho de lote, que pode beneficiar da combinação harmoniosa das caraterísticas específicas das diferentes castas.
Ao contrário do que sucede noutros países produtores de vinho, existe em Portugal, uma grande variedade de castas, sendo estas, ao todo, 341. Essa variedade pode constituir uma vantagem, permitindo uma melhor adaptação das videiras às diferentes condições climáticas.Vamos enumerar algumas castas tintas e brancas mais utilizadas em Portugal.