domingo, março 25, 2012

Krug - Champanhe, um pouco de história

Para qualquer conhecedor de Champanhe, Krug é um nome mítico. Tudo começou em Reims em 1843, quando Johann-Joseph Krug decidiu produzir um Champanhe que se diferenciasse dos outros produtos produzidos na região. Fundador do estilo Krug, é também o inspirador  de uma filosofia sem concessões que os seus descendentes têm sabido preservar e transmitir, geração após geração. Em Krug tudo é selecção, espera, composição, afinamento. Ao contrário do que é habitual em Champanhe, as vindimas para a casa Krug são feitas manualmente. A prensagem é lenta e suave, e a fermentação, separada por castas e vinhas, decorre em pequenas barricas usadas de carvalho. A parte mais complexa vem  a seguir, a composição do lote. Feitocom vinhos novos e de reserva, o lote Krug é uma sinfonia de aromas e sabores onde tudo é harmonia e equilibrio. Depois, é preciso saber esperar, até que o tempo traga a complexidade e afinamento características do estilo Krug